Funcionária da UPA é agredida por homem que tentava entrar em área restrita


PUBLICIDADE

DOURADOS NEWS

Crédito: Arquivo/Dourados News
PUBLICIDADE

Na manhã desta segunda-feira (25) a Guarda Municipal foi acionada para atender ocorrência na UPA (Unidade de Pronto Atendimento), de Dourados, onde funcionária da área vermelha da unidade teria sido agredida por homem que tentava entrar no setor para acompanhar o tratamento de um paciente internado no local.

 

De acordo com boletim de ocorrência, o homem de 53 anos estaria muito agressivo e falava em alto tom. Quando foi informado que não poderia entrar no setor disse que chamaria a Polícia Militar e se não resolvesse a situação, a funcionária poderia acionar a Guarda Municipal.

 
Em dado momento uma equipe do Samu chegou com paciente para dar entrada no setor e a porta foi aberta, o acusado tentou entrar sem autorização dos responsáveis e, quando a equipe fechava a porta, ele a empurrou forçando contra a vítima, de 43 anos, que teve a mão lesionada.

 

A responsável pelo setor então chamou a Guarda que no local ouviu a vítima que reclamava de dores na mão e o acusado. O homem relatou ter ido à UPA acompanhado da irmã para fazer a troca da fronha do travesseiro do paciente, que estava suja de sangue e fezes, sendo impedido de entrar pela funcionária.

 

Eles formam orientados a comparecer à Delegacia de Pronto Atendimento Comunitário, Depac, de Dourados, onde a ocorrência foi registrada.

 

O acusado foi até a delegacia levado pela irmã, enquanto a vítima não compareceu.

O caso foi registrado no 2º Distrito Policial como perturbação do trabalho e lesão corporal dolosa. 
 

 




PUBLICIDADE
PUBLICIDADE
PUBLICIDADE